Turismo Consciente: Bonito faz readequações com novo decreto municipal

Um novo decreto, com medidas mais restritivas para enfrentamento à Covid-19, entra em vigor nesta sexta-feira (26), no município de Bonito. Graças à união dos empresários da cidade, parte do turismo segue funcionando, mas com uma série de novas regras.

Hoje, a Semagro (Secretaria de Estado de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar), encaminhou um ofício para a Prefeitura de Bonito. No documento, assinado pelo Secretário de Estado de Meio Ambiente, Jaime Verruck e pelo Diretor-Presidente Fundação de Turismo de Mato Grosso do Sul (FUNDTUR), Bruno Wendling, o Estado prestou esclarecimento sobre a abertura de alguns atrativos da Capital do Ecoturismo, os quais, seguirão à risca todas as medidas já implantadas nos protocolos de biossegurança, além de também diminuírem a quantidade de visitantes pela metade.

Desde o começo da pandemia, todo trade turístico de Bonito tem se preocupado com a disseminação do coronavírus. A cidade chegou a ficar com as portas fechadas durante três meses e só reabriu depois de 7 protocolos de biossegurança, sendo um de cada segmento, serem implantados no município.

Diminuir a capacidade de pessoas, uso de máscara obrigatório, aferição da temperatura dos visitantes, fornecimento de álcool em gel e muitas outras medidas de prevenção estão entre as regras estabelecidas nos documentos.

A cidade de Bonito já foi eleita várias vezes como destino de turismo responsável no mundo em premiações internacionais e neste ano de 2021, não foi diferente. Com os protocolos de biossegurança implantados na cidade, o município mais uma vez foi destaque mundial considerado também uma atração internacional segura. Bonito recebeu o selo internacional de turismo seguro “Safe Travels”, criado pelo Conselho Mundial de Viagens e Turismo (WTTC – World Travel & Tourism Council). Mato Grosso do Sul se tornou um dos primeiros estados brasileiros a conquistar o selo.

O recebimento do selo é uma confirmação de que os atrativos turísticos de Bonito e região tem seguido corretamente os protocolos de biossegurança para receberem os turistas e preservarem a saúde de seus colaboradores.

De acordo com o Presidente do (IDB), Instituto de Desenvolvimento de Bonito, Augusto Mariano, todas as regras estabelecidas nos protocolos de biossegurança já estavam sendo cumpridas antes de estabelecerem decretos. Com algumas medidas mais restritivas, o turismo de Bonito segue trabalhando, mas com muita responsabilidade.

“O turismo é um dos setores que mais movimenta a economia e gera empregos na cidade de Bonito. Estamos cumprindo as regras, inclusive cumpriremos as novas medidas estabelecidas no novo decreto. O Instituto de Desenvolvimento de Bonito se posiciona dizendo que ninguém é contra salvar vidas, todas as medidas são bem-vindas, entretanto, também devemos pensar na economia do município”, disse o presidente do IDB.

VEJA COMO VAI FUNCIONAR O TURISMO SEGUINDO O NOVO DECRETO MUNICIPAL QUE ENTRA EM VIGOR NESTE DIA 26 DE MAÇO E SEGUE ATÉ O DIA 4 DE ABRIL

O Decreto Municipal nº 74/2021 dispõe que as agências de turismo devem permanecer fechadas, somente com trabalho interno, atendimento pré-agendado ou home office;

Os hotéis e meios de hospedagem entraram como serviços essenciais e podem funcionar com redução de 50% da capacidade;

Os atrativos naturais, com exceção dos balneários, podem operar com redução de 50% da capacidade de carga do passeio;

Os bares e restaurantes, lanchonetes e padarias, podem funcionar somente com serviço delivery e drive-thru;

Transportadoras turísticas podem funcionar obedecendo os protocolos de biossegurança e com redução de 50% da capacidade.

barra5

VEJA TAMBEM

MAIS LIDAS